sábado, 22 de setembro de 2012

PF descobre que candidato a vereador de João Pessoa ‘doava’ casas em troca de votos


A Polícia Federal na Paraíba desencadeou, na manhã desta sexta-feira (21), a “Operação Vivenda”. O objetivo era desarticular um esquema de troca de votos pela promessa de doação de casas populares. Segundo a PF, o esquema seria liderado pelo candidato a vereador de João Pessoa, Ironaldo Leal (PP). O candidato é presidente licenciado de uma cooperativa denominada de Coopercasa.

O filho do candidato, Túlio Leal, presidente em exercício da Cooperativa, também foi detido pela PF para prestar esclarecimentos.   Túlio foi preso na sede da Coopercasa, localizada no segundo andar do edifício das Nações Unidas, na avenida Visconde de Pelotas (centro de João Pessoa), onde a a PF realizou um dos mandados de busca e apreensão.

O esquema, de acordo com as informações da PF, funcionava a partir da promessa de recebimento de casas. Os eleitores eram cadastrados na Cooperativa, onde informavam seus dados pessoais, inclusive, número de título e seção eleitoral em que votava. “Durante as investigações, ficou demonstrada a montagem de uma estrutura criminosa para oferecimento de casas em troca de votos”, sustenta a PF, em nota distribuída à imprensa.

Do Portal Correio

Nenhum comentário:

Postar um comentário