quarta-feira, 16 de abril de 2014

Governo distribui por meio da Emater 95 toneladas de peixes para população carente do RN



A tradição de comer peixe na Semana Santa está garantida para 200 mil pessoas carentes em 102 municípios do Rio Grande do Norte. O benefício é proporcionando pela Emater, em parceria com as prefeituras municipais que, nesta quinta edição da iniciativa, entrega à população 95 mil quilos do pescado tilápia. Cada pessoa cadastrada receberá dois quilos do alimento.

Os recursos financeiros são da ordem de R$ 800 mil procedentes do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) – Compra Direta da Agricultura Familiar, mantido pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS).

O coordenador do Compra Direta, extensionista rural da Emater-RN, Isaac Alves, ressalta que essa ação, além de garantir ao pequeno produtor a comercialização do seu produto por preço justo, sem a presença do atravessador, permite alimento de qualidade para famílias carentes. O calendário de entrega começa hoje (15) e prossegue até a quinta-feira (17) sob a responsabilidade das secretarias de ação social nos municípios contemplados. 

Aneel aprova aumento médio de 12,75% para tarifa de energia no RN



A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou nesta terça-feira (15) reajuste médio de 12,75% para as contas de luz dos consumidores atendidos pela Cosern, distribuidora que atua no Rio Grande do Norte. O reajuste começa a valer em 22 de abril.

Para clientes residenciais, a alta vai ser de 11,40%. Já para a alta tensão (indústrias), será de 15,78%.

Uma das razões para esse aumento na tarifa da Cosern está na queda do nível de armazenamento de água nos reservatórios das principais hidrelétricas do país em 2014. Isso levou à necessidade de uso mais intenso de usinas termelétricas, que geram energia mais cara, e a um aumento nos custos das distribuidoras.

Esse índice de reajuste poderia ser maior, mas o governo está adotando medidas para financiar a alta de custos no setor elétrico. Uma das medidas prevê a injeção de R$ 12,4 bilhões no setor e a postergação, para 2015, de parte do reajuste que poderia afetar as tarifas de energia neste ano.

Santa Cruz vai sediar mais uma edição do Festival Do Sol

De acordo com a organização, a previsão deste ano é reunir 70 nomes nacionais e internacionais nos palcos do festival, que mantém a parceria com a Petrobras e com a Ray-Ban. Entre os dias 07 e 23 de novembro, o evento irá ocupar com muitas atividades culturais as cidades de Natal, Mossoró, Caicó e Santa Cruz, todas no Rio Grande do Norte. Além do formato tradicional de ocupar áreas públicas das cidades e o bairro da Ribeira, em Natal, algumas inovações no aquecimento para o festival deverão acontecer.




Governo propõe salário mínimo de R$ 779 para 2015



Com estimativa de crescimento da economia de 3% e inflação, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), em 5% para 2015, o governo encaminhou nesta terça-feira ao Congresso Nacional o Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias para 2015 (LDO-2015). Pelo projeto, o salário mínimo será reajustado em 7,71% e vai ficar em 779,79 reais em 2015. 

O governo também prevê que o superávit primário para o setor público consolidado será de 143,3 bilhões de reais, valor que corresponde a 2,5% do Produto Interno Bruto (PIB). Com o abatimento dos 28,7 bilhões de reais destinados ao Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), a meta do superávit primário fica em 114,7 bilhões de reais (ou 2% do PIB). 

O superávit primário corresponde a poupança para pagar os juros da dívida que o governo tem com outros países e outros credores. Alcançar as metas de superávits primários indica que o país tem condições de pagar suas dividas. 

Da Veja

Mais de 150 veículos que transportam estudantes são reprovados na região do Trairi



Uma determinação do Conselho Nacional de Trânsito – CONTRAN está dando dor de cabeça nos gestores municipais no que diz respeito ao transporte escolar. Segundo determina a portaria do órgão de fiscalização, os condutores de transportes escolares são obrigados a terem cursos específicos, carteira nacional de habilitação com categoria também específica e os veículos precisam também estar adequados às exigências do órgão federal de fiscalização.

Segundo o diretor do Departamento de Trânsito do Rio Grande do Norte - DETRAN, de Santa Cruz, Jobson Furtado, é preocupante a situação do transporte escolar no município de Santa Cruz e também dos outros municípios da região no que diz respeito à segurança, de acordo com a análise de uma Promotora Federal que veio à Santa Cruz acompanhar a fiscalização.

Os problemas que levaram a promotora a reprovar esses veículos foram os mais diversos possíveis, inclusive com ônibus novos como os doados pelo Governo Federal, conhecido como "os amarelinhos", que, a exemplo dos demais, terão um prazo para se adequar às exigências.

Todos os 158 veículos fiscalizados foram reprovados. Para especificamente as caminhonetes, dificilmente serão aprovadas até porque uma das determinações, é que o veículo possua o Tacógrafo, instrumento que registra o trajeto percorrido em relação à distância, velocidade.

O curso de formação citado pelo diretor do DETRAN de Santa Cruz deverá ser ministrado pelo SENAI local.

Por Carlos Maciel